Copyright © Um Tesouro no Céu
Design by Dzignine
sábado, 30 de maio de 2009

O que você é? Uma cenoura, um ovo ou um grão de café?

Uma filha se queixava a seu pai a respeito de sua vida e de como tudo era difícil para ela. Não sabia como prosseguir e estava se dando por vencida. Estava cansada de lutar, parecia que quando resolvia um problema, outro surgia de imediato.

Seu pai, um chefe de cozinha, levou-a ao seu local de trabalho. Ali, encheu três vasilhas com água e as colocou sobre um forte fogo. Logo a água das três vasilhas estava fervendo. Numa colocou cenouras, na outra ovos e na última colocou grãos de café.

Deixou-os ferver sem nada dizer. A filha esperou pacientemente, questionando-se o que estaria fazendo seu pai. Após vinte minutos o pai apagou o fogo. Retirou as cenouras e as colocou em um recipiente. Retirou também os ovos e os colocou num prato. Coou o café e o colocou num copo.

Olhando para sua filha lhe disse: Querida, que vês?

- Cenouras, ovos e café. Respondeu ela.

A fez aproximar-se e lhe pediu para que apalpasse as cenouras, então, ela constatou que estavam moles. Pediu, também, para que tomasse os ovos e rompesse suas cascas. Ao retirar as cascas observou que estavam duros. Em seguida lhe pediu para provar o café, ela sorriu enquanto experimentava seu rico aroma.

Humildemente a filha perguntou: Que significa isto, pai? Ele lhe explicou que os três elementos haviam enfrentado a mesma adversidade: água fervendo, mas, haviam reagido de maneiras distintas.

A cenoura que a princípio era dura ao ser colocada na água fervendo se tornou frágil, fácil de se desfazer.

O ovo, por sua vez, era frágil e a casca protegia o seu conteúdo líquido, mas, após passar pela água fervendo o seu interior endureceu.

Os grãos de café, sem dúvida, eram únicos. Depois de passar pela água fervendo, havia modificado a água.

Qual deles é você? Perguntou a sua filha.

Quando a adversidade bate a sua porta, como é que você se comporta?

É uma cenoura que parece forte, mas quando chega a adversidade e a dor se transformam em frágil, perdendo todo vigor?

Ou um ovo que começa com um coração débil, possuía um espírito fluido, mas, depois de uma adversidade, tal como uma morte, uma separação, um divórcio, um fracasso ou uma demissão do emprego, tornou-se duro. Por fora ainda apresentas a mesma casca, mas endureceu o seu interior, tornou-se duro.

Ou ainda és o grão de café, que transforma a água fervendo, o elemento que lhe causa sofrimento? Quando a água chega a ponto de ebulição o café alcança seu melhor sabor.

De coração desejo-te que tentes ser como o grão de café quando as coisas não andarem bem e possas desejar que teu ambiente melhore.

Lembra que tudo que acontece em nossa vida tem alguma razão pra isso, só precisas descobrir o motivo e aprender com ela. E se tens fé no Senhor Jesus não há mal que não seja para o teu bem.

- E já vos esquecestes da exortação que argumenta convosco como filhos: Filho meu, não desprezes a correção do SENHOR, E não desmaies quando por ele fores repreendido;
- Porque o Senhor corrige o que ama, E açoita a qualquer que recebe por filho.
- Se suportais a correção, Deus vos trata como filhos; porque, que filho há a quem o pai não corrija?
- Mas, se estais sem disciplina, da qual todos são feitos participantes, sois então bastardos, e não filhos.
- Além do que, tivemos nossos pais segundo a carne, para nos corrigirem, e nós os reverenciamos; não nos sujeitaremos muito mais ao Pai dos espíritos, para vivermos?
- Porque aqueles, na verdade, por um pouco de tempo, nos corrigiam como bem lhes parecia; mas este, para nosso proveito, para sermos participantes da sua santidade.
- E, na verdade, toda a correção, ao presente, não parece ser de gozo, senão de tristeza, mas depois produz um fruto pacífico de justiça nos exercitados por ela. (Hebreus 12:5-11).

- Porque para mim tenho por certo que as aflições deste tempo presente não são para comparar com a glória que em nós há de ser revelada. (Romanos 8:18)

- E aquele que examina os corações sabe qual é a intenção do Espírito; e é ele que segundo Deus intercede pelos santos.
E sabemos que todas as coisas contribuem juntamente para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados segundo o seu propósito. (Romanos 8:27-28)
- Porque a nossa leve e momentânea tribulação produz para nós um peso eterno de glória mui excelente;
- Não atentando nós nas coisas que se vêem, mas nas que se não vêem; porque as que se vêem são temporais, e as que se não vêem são eternas. (II Coríntios 4:17-18)

(Texto de autor desconhecido.)


2 comentários:

  1. Lindo texto, Regina. Ser o grão de café é realmente o ideal, mas nem sempre conseguimos.

    Abraços

    ResponderExcluir
  2. Um belo texto para reflexão. Um lindo fim de semana para vc, cheio de luz e amor. bj

    ResponderExcluir

Recent Visitors

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...