Copyright © Um Tesouro no Céu
Design by Dzignine
terça-feira, 24 de março de 2009

Lidando com a Rejeição - de Alan Smith

A maioria de nós não lidamos bem com rejeição. Enquanto a seguinte história tem um toque de humor, no fundo sentimos a intensa dor de ser rejeitado num momento vulnerável.

‘Um soldado estava servindo longe do seu lar. Ele ficou arrasado quando sua namorada escreveu e acabou com seu noivado. Ela até pediu de volta sua foto.
Ele foi para seus amigos e pediu todas as fotos de mulheres que eles não queriam mais, e as enviou para sua ex noiva com o seguinte recado: “Eu lamento que não consigo lembrar qual era você … por favor, tome sua foto e devolva as outras.”’
Como é que você lida com rejeição? Não é fácil, especialmente naqueles momentos quando somos mais vulneráveis.
Não é algo prazeroso, mas todos nós passamos por isso … rejeição por um querido … rejeição por um chefe … ou talvez a mais difícil de aceitar é a rejeição que vem de amigos e família em conseqüência de estarmos vivendo a vida Cristã.
Queremos ser aceitos. Queremos pertencer. Queremos sentir que fazemos “parte da turma”. Mas, às vezes, nossa decisão de viver uma vida como Deus quer, num mundo que não quer Deus, não será valorizado e será rejeitado – às vezes por aqueles que mais amamos.
Note o que o apóstolo Pedro disse “Eles acham estranho que vocês não se lancem com eles na mesma torrente de imoralidade, e por isso os insultam.” (1 Pedro 4:4 NVI)
A mensagem ao longo de 1 Pedro é que não devemos ficar surpresos com esta rejeição (1 Pedro 4:12), e que não podemos deixar com que isso nos desanime de viver vidas santas (1 Pedro 1:15).
Ao contrário, devemos buscar força, amor e apoio na nossa família Cristã, abrindo com carinho nossas vidas uns para com os outros. “Sobretudo, amem-se sinceramente uns aos outros, porque o amor perdoa muitíssimos pecados. Sejam mutuamente hospitaleiros, sem reclamação.” (1 Pedro 4:8-9 )
terça-feira, 17 de março de 2009

VOCÊ ME PERDOA?

Buscando eliminar todos os bloqueios em minha vida espiritual
dedico alguns minutos para perdoar.Perdôo sinceramente,quem me rejeitou,
odiou, abandonou, traiu, ridicularizou, humilhou, amedrontou,iludiu.
Por longos anos suportei maus tratos, humilhações, hj estou livre
inicio agora, uma nova etapa em minha vida.(é difícil ñ chorar)
Jamais voltarei a me queixar, falando sobre mágoas e pessoas negativas.
Se por acaso pensar nelas, lembrarei que já estão perdoadas
Qdo me lembrar das pessoas que me fizeram sofrer, procurarei valorizar suas boas qualidades e pedirei a DEUS que as perdoe também, evitando que elas sejam castigadas
pela lei da causa e efeito. Dou razão a todas as pessoas que rejeitaram o meu amor e minhas boas ações, pois reconheço que é um direito que assiste a elas. Peço perdão a todas as pessoas a quem, de alguma forma, consciente e inconscientemente, eu ofendi, injuriei, prejudiquei ou desagradei. Sinto-me em paz com meu

Dirijo-me a DEUS de cabeça erguida e sem culpa pois sei que ELE é o MEU SOCORRO BEM PRESENTE!


Com muito carinho

Regina Bonelli Ribeiro

segunda-feira, 16 de março de 2009

Escolhas



“Porque os caminhos do homem estão perante os olhos do Senhor, e ele considera todas as suas veredas.” (Provérbios 5.21).
Escolhas fazem parte de nossas vidas. Diariamente somos convidados a decidir. Algumas opções são regulares, atreladas aos nossos hábitos e costumes. Outras, entretanto, estão a requerer de nós maior cuidado e reflexão, pois são propulsoras de mudanças que, inúmeras vezes, escapam do nosso controle.
Qualquer escolha, ordinária ou complexa, pontual ou permanente, está diante dos olhos de Deus. O olhar divino clareia nossas trilhas, dissipa as nebulosidades e sinaliza a direção, permitindo assim que possamos firmar nossos passos, mediante a presença do seu Espírito em nós.
Para Deus não há caminhos desconhecidos, estradas ignoradas ou rotas escondidas. Ele não apenas conhece, mas revela todas as nossas intenções, desejos e atitudes. Deus conhece os esconderijos do coração humano (Sl 139.23-24).
Por tudo isso, ore ao Senhor e peça luz para o seu/nosso caminho!
Rev. Sérgio Andrade - Deão da Catedral Anglicana da S.S. Trindade, Recife PE

terça-feira, 10 de março de 2009

Seus Cuidados

"Eu o Senhor, a vigio e a cada momento a regarei, para que ninguém lhe faça dano, de noite e de dia eu cuidarei dela"(Is 27:3)

O Senhor vigia sua vinha deliciosa. Nós somos a vinha do Senhor, e temos tido cuidados especiais. Não é qualquer um que cuida de nós, mas o próprio Deus.

Quando entregamos nossa vida ao Senhor, passamos a desfrutar de Seus cuidados.

Deus permite ou não permite situações em nossa vida sempre com algum propósito, e apesar de não parecer ou não entendermos, até as circunstâncias ruins cooperarão para o nosso bem.

Como?

Não é uma resposta simples de responder, mas é nesse momento que entra a nossa fé e confiança em Deus.

Apenas confiar que Ele quer o nosso bem e nunca nos abandonará.

O Senhor tem muitas vitórias para seu povo, mas precisamos deixa-lo trabalhar e preparar tudo.

Uma coisa podemos ter certeza, todas as lágrimas serão transformadas em grande gozo de alegria.

Enquanto você chora, desfrute dos cuidados do teu Pai Celeste, e sinta-se amado, pois "naquele dia, o Senhor dos Exércitos será a coroa de glória e o formoso diadema para os restantes de seu povo", daqueles que perseveraram em meio a espinhos e à tempestades.
Adriana Lyra
segunda-feira, 9 de março de 2009

MEU FILHO É ADOLESCENTE, E AGORA?






Os adolescentes são crianças em transição. Eles não são jovens adultos. Suas necessidades, inclusive as emocionais, são infantis. Um dos erros mais comuns dos pais, professores e outros, com respeito aos adolescentes, é considerá-los como pequenos adultos. E não são poucos os pais que hoje em dia, negligenciam as necessidades infantis de seus filhos adolescentes como: sentir amor e aceitação. De serem cuidados e de saber que alguém gosta realmente deles.
Quando o adolescente sente que ninguém se interessa realmente por ele, como resultado, surgem vários tipos de sentimentos: autodepreciação, desesperança, inutilidade, e baixa auto-estima. Um adolescente pode ser maior, mais esperto, mais forte, ou em outros aspectos, superior a seus pais. Mas, emocionalmente, ele é ainda uma criança. Ele continua tendo a necessidade de sentir-se amado e aceito pelos pais. Sem essa segurança valiosa de amor e aceitação dos pais, ele não será, nem fará o melhor que pode fazer. Não poderá alcançar seu potencial.
Como ajudar seu filho adolescente?
    • Amor Incondicional – O fundamento básico para uma relação com seu filho adolescente é o amor incondicional. Só este tipo de amor pode impedir problemas como ressentimento, culpa, medo ou a insegurança de sentir-se indesejado. Amar incondicionalmente significa amar um adolescente, apesar de tudo. Apesar da aparência, apesar dos seus pontos negativos e defeitos, apesar da sua maneira de agir. Isto não significa que você sempre goste do comportamento dele. Mas amar incondicionalmente significa que você ama seu filho adolescente, mesmo quando detesta seu comportamento.
    • Dar Atenção Concentrada – Dar atenção concentrada a seu adolescente exige tempo e às vezes, muito tempo. Pode significar dar a seu filho atenção concentrada quando você preferiria fazer outra coisa. Existem ocasiões em que a adolescente precisa desesperadamente de atenção concentrada, exatamente quando seus pais se sentem menos inclinados a dá-la. Atenção concentrada significa dar a seu adolescente completa atenção, não dividida, de modo que ele se sinta realmente amado, que saiba ser tão valioso que merece a sua vigilância, apreciação e consideração incondicional. Atenção concentrada faz com que o adolescente se sinta a pessoa mais importante do mundo de seus pais.
    • Contato Visual e Físico – Quando a criança se torna adolescente, ela precisa de confirmação contínua dos pais de que é amada e aceita e o contato físico e visual é uma maneira de confirmar o amor que os pais sentem pelo filho. Mesmo quando o filho não estiver com disposição para comunicar-se, o contato físico pode ser um meio de transmitir amor a ele. Pode acontecer que algumas vezes seu filho venha a aceitar o contato físico, mas outras ele talvez não tolere conscientemente o seu toque. Nessas horas de aceitação, você pode proporcionar contato físico quando a atenção dele estiver dirigida a outra coisa, de modo que não perceba o toque. Mesmo que ele não tenha consciência de seu toque, ainda assim, estará registrando tudo. O efeito é ajudá-lo a sentir: "Meus pais me amam e se importam comigo, mesmo quando relacionar-me com eles e difícil para mim". A criança ou o adolescente que cresce num lar em que os pais usam contato visual e físico irão sentir-se à vontade consigo mesmos e com outras pessoas.
    • Ajuda Espiritual – A geração de adolescentes em nossos dias é muitas vezes chamada de "geração apática". Muitos deles são realmente apáticos, em especial no que se refere ao futuro. Quantos desses jovens que são a esperança futura de nosso país carecem da vitalidade, vivacidade e entusiasmo que tanto gostamos de ver. Penso que um dos principais motivos que tem contribuído para que os adolescentes não tenham atitudes positivas é que os adultos não estão transmitindo a eles determinação, esperança e encorajamento necessário para enfrentar o futuro.
Uma das maiores solicitações dos adolescentes hoje é que os pais lhes forneçam sistemas de valores éticos e morais para guiá-los, para que eles saibam que rumo seguir em sua vida. Daí, a necessidade da orientação espiritual, que vai orientar o adolescente no mundo de hoje.
Como os pais podem preparar seus filhos no terreno espiritual? As instruções e atividades religiosas organizadas são extremamente importantes para uma criança ou adolescente em desenvolvimento. Todavia, nada exerce maior influência sobre o adolescente do que o seu lar e aquilo que é exposto nele. Os pais precisam envolver-se ativamente no crescimento espiritual do adolescente. Como?
      • Os pais devem ensinar aos filhos assuntos espirituais.
      • Os pais devem compartilhar suas próprias experiências espirituais.
      • Os pais devem ser um exemplo de perdão – o adolescente deve aprender pelo exemplo como perdoar e como pedir perdão, tanto a Deus como a outras pessoas. E eles só poderão aprender se os pais em primeiro lugar, manifestarem perdão.
Pensamento: "Uma criança provavelmente não encontrará um pai em Deus, a não ser que encontre algo de Deus em seu próprio pai". Glen Wheeler
A esperança cristã não depende do que o mundo nos faça. Ela depende daquilo que fazemos no mundo, enquanto aqui vivemos segundo a graça de Deus.

(Pastor Helio Coutinho)
sexta-feira, 6 de março de 2009

Dia da Mulher!





Mulher,
Que muitas vezes em seu silêncio, diz frases que palavras jamais definiriam.
Que muitas vezes ao simples gesto de olhar; transforma o sentimento...
Sua sensibilidade ultrapassa as mais recentes tecnologias,
Pressentindo apenas com a intuição
Mulher...
Capacidade de pensar e desenvolver várias funções ao mesmo tempo
Sem perder o toque da suavidade feminina em tantas situações
Amiga, mãe, esposa na cumplicidade das necessidades que se faz no dia a dia.
O poder de um pulso firme sustentado pela sutileza do amor companheiro.
Mulher...
Que muitas vezes se divide em muitas, sem deixar seu próprio “eu”.
Carinhosa, dedicada pertinente em suas ações, só agindo com propriedade,
Dona de casa, dona do mundo, pois, a ela rendemo-nos o nosso real apreço,
Que defende seu ideal e simplesmente se diferi por seus detalhes...
Mulher...
De fibra, de sentimento, de iniciativa e de dedicação aos seus propósitos,
Guerreira que luta que vibra, mas que também chora, chora por que ama
Chora por ser sensível e ter em seu peito um coração que ama e é amado
Sorri com a alegria entre os seus, e com eles divide a felicidade!
Mulher...
Que neste dia oito de março, você seja reconhecida por mérito e por sua luta,
Nesta data toda uma vida se resuma em um só momento
Onde valores estejam alem de bens materiais...
Onde o valor seja “você”!

Feliz dia da mulher!
Zé Carlos

MULHERES!...






Estamos longe de sermos perfeitas. Somos humanas e vivemos inúmeras contradições. Queremos o sucesso profissional tanto quanto sonhamos ser correspondidas no amor. Educamos nossos filhos enquanto tudo o que precisamos é do colo de nossas mães. Queremos ser simples, mas estamos sempre alternando papéis complicados. E no meio de tanta correria, como tornar nosso dia ainda mais especial? Talvez o que a gente precise perceber é que não existe fórmula pronta, pois por mais que pareçamos iguais, somos muito diferentes, cada uma com seu jeito especial. Cada uma com seu algo a mais, que não está nos sapatos novos, no emprego que temos ou como os outros nos enxergam. Algo que não muda com o tempo ou com a situação. E nos faz cada vez mais únicas e especiais. É o simples fato de sermos mulheres!

Santher

Publicado no Recanto das Letras em 06/03/2009
Código do texto: T1472232
quarta-feira, 4 de março de 2009

Você já aceitou o presente de Deus hoje?





Deus te ama. Ele ama você e eu , tanto......que Ele deu seu filho unigênito para que todo aquele que nele crê não pereça mas tenha a vida eterna. ( João 3:16 NVI) A Bíblia diz em Romanos 3:23 que todos pecaram e estão destituídos da glória de Deus. Em outras palavras, todos nós erramos o alvo. Mas se admitirmos que pecamos e confessarmos nossos pecados, Deus é fiel e justo à Sua palavra e nos perdoará e lavará de todo o pecado que poderíamos ter cometido. ( veja 1 João 1:9)Se você nunca convidou Jesus para ser seu Senhor e Salvador , nós te incentivamos a convidá-lo agora. A Bíblia promete que quando você faz uma oração de coração como a que está escrita , você experimentará uma nova vida em Cristo. Apenas a leia em voz alta e de coração.


VAMOS ORAR:

Pai, venho a ti como eu sou. Não tem nada que eu possa fazer para merecer a salvação- Eu não posso me colocar por mim mesmo em um relacionamento correto com o Senhor.
A Bíblia diz que nós somos salvos pela graça mediante a fé como um presente de ti. Eu confesso que eu pequei contra ti e outros. Te peço para me perdoar e me purificar com o precioso sangue de Jesus Cristo, teu filho, que é doador de vida. Eu acredito que Ele morreu por mim- Que Ele tomou meu pecado sobre Si e morreu na cruz por mim. Creio que ressurgiu dentre os mortos, me dando poder sobre o inimigo.Jesus, te peço para vir habitar dentro de mim. Eu não entendo tudo o que significa ser um cristão, mas te convido para estar na minha vida e me ajudar a viver diariamente como eu devo viver.
Obrigado, Pai, pelo teu presente da restauração e da vida eterna. Eu sou muito agradecida por seu amor e misericórdia. Em nome de Jesus, amém.

terça-feira, 3 de março de 2009

Senhor ensina-me a sorrir!


A habilidade para sorrir é um verdadeiro dom de Deus. Eu acredito que essa é a expressão de um coração que está cheio de alegria. Infelizmente, para uma pessoa comum, gargalhadas só acontecem dependendo das circunstâncias. Mas nós como crentes, temos um privilégio maravilhoso – podemos sorrir mesmo quando as coisas não estão da forma que gostaríamos.

Uma das razões para podermos sorrir e desfrutar nossa vida apesar das atuais circunstâncias, é porque Jesus é a nossa alegria. Ele é a vinha e nós somos os galhos. À medida que nós aprendemos a permanecer nele, vamos render ou produzir o fruto do caráter de Cristo, e a alegria é um fruto. Longe dele, não podemos fazer nada, mas na presença dele nossa vida irá transbordar de alegria, e eu creio que quando a alegria for transbordante, existirá uma ligação para o sorriso.

O SORRISO SURGE DE UM CORAÇÃO ALEGRE.

A Bíblia diz que quando nós aceitamos Jesus Cristo como nosso Senhor e Salvador, a totalidade de quem Deus é começa a existir dentro de nós. Em outras palavras, a divina semente que vai produzir todos os frutos do Espírito de Deus, incluindo alegria, está em nós. Não é uma coisa que estamos tentando adquirir, é algo que já existe. O que precisamos aprender é como desprender esta alegria, pois algumas vezes o “bem-estar” de nossa alma se trava, e isso impede que a alegria de Deus seja liberada.

No Velho Testamento, uma das estratégias de guerra para bloquear o “bem-estar” do inimigo era mostrando ossos e muita sujeira. Quando conseguiam atingir esse “bem-estar”, ninguém mais conseguia encorajá-los. O mesmo acontece conosco. Nosso inimigo tenta atingir nosso bem-estar atirando “pedras” de ressentimento, amargura, falta de perdão, temores, dúvidas, depressão, você pode até listar. Se aceitarmos essa “sujeira”, que vem em forma de pensamentos, vamos impedir grandemente o fluir de “Águas Vivas” em nosso espírito.

Mas Deus não deseja que vivamos assim. Ele deseja liberar nosso bem-estar. Ele deseja que o rio do Espírito Santo flua livremente em nós e através de nós para tocar outros. Interessante que quando os filisteus desestabilizaram Abraão com sujeira, Deus usou Isaque para restaurá-lo. O nome de Isaque significa “alegria”. E foi a alegria que restaurou o bem-estar de Abraão, eu acredito que o desejo de Deus é usar a alegria e o sorriso para restaurar o seu bem-estar também.

Houve um tempo em minha vida que eu raramente sorria, ou deixava um sorriso solitário escapulir. Eu me tornei uma pessoa tão séria e intensa que deixava passar muitas oportunidades de sorrir. Felizmente, Deus mudou isso em minha vida. Agora, quando surge uma oportunidade de sorrir eu simplesmente agarro esta oportunidade. Eu vou direto para o sorriso. Eu aproveito o máximo que posso disso, pois descobri o tremendo alívio do estresse e da tensão uma boa gargalhada pode trazer. Quando estou cansada ou exausta para lidar com as coisas da vida, eu me sinto como um armário sujo, envelhecido e com necessidade de renovo. Mas quando Deus me dá uma oportunidade de sorrir, parece que vem uma “brisa sobre mim”, me levantando da opressão e me refrescando completamente.


Revista Enjoying Everyday Life
Ministérios Joyce Meyer

Somos Responsáveis



Somos responsáveis pelos nossos conflitos, pois os criamos apenas para atingir a experiência e compreensão da harmonia, da paz, da felicidade.

Sabemos desde o princípio que é uma guerra perdida, mas insistimos. A única saída que nos damos, dentro dessa luta absurda é a aceitação e a entrega. Esse é o verdadeiro propósito do conflito que criamos. Acredito verdadeiramente que a natureza primeira do homem é boa e pacífica. Somos sim seres auto reflexivos, absorvemos, nos apropriamos e devolvemos ao mundo aquilo que absorvemos.

Transformamos e somos transformados todo o tempo. Somente quando o impulso natural em direção ao afeto é obstruído ou bloqueado que se desencadeiam sentimentos negativos como a frustração, seguida da raiva.

A natureza humana é basicamente bondosa e amorosa.

O coração se abre quando o lixo é retirado. É a partir desse fato que chego à conclusão que nossa natureza é primeiramente bondosa e amorosa.

Temos também que aprender a escolher diferenciar a fantasia da realidade. Devemos experimentar a independência do ego, sem medo de se desmanchar. Isso requer aceitação. Aceitação dos nossos limites, nossas raízes, nossa luz e nossa sombra e determinação para mudar.

Vivemos em guerra com nosso ego. Separando-o do Universo e da vida, permitimos que ele nos domine, esquecemos que esse mesmo ego foi construído por nossos anseios infantis. Mas percebo que muitas vezes é bastante interessante deixar nosso desejo de lado e permitir que nossa vida viva por si mesma.

Quem não conhece aquela maravilhosa frase de Cristo, que diz: "Faça tua parte e eu farei a minha". Pare um pouco e reflita sobre esta frase. Fazemos nossa parte, mas qual é o momento exato de deixarmos o Universo agir por si mesmo, deixar que se cumpra o nosso destino? Você já tentou entregar um momento de total impotência nas mãos de Deus? Conseguiu?

É muito, muito difícil. Requer atenção e treinamento. É o verdadeiro exercício da fé. Sim, porque a fé só se desenvolve exercitando-a diariamente, a cada minuto, todo o tempo.

Como complicamos tudo, não é verdade? Seria tão mais fácil simplesmente viver e deixar viver. Por que será que nunca conseguimos simplificar?

Se formos sensatos, tentaremos aprender um pouco com a sabedoria e construiremos um modo de vida mais completo, possam unidos solucionar os conflitos que todos nós, humanos, trazemos em nossos corações.

Pensando bem...é preciso Reciclar


Viver bem, às vezes, é só uma questão de recomeçar, reaprender, reciclar.

Para que tudo tenha um novo impulso, ganhe uma nova luz.

Reciclar para imprimir novas palavras, novas experiências, novos sentimentos.

Avaliando erros para gerar acertos, mudando trajetos para entender os caminhos, olhando a vida, todo dia, com o coração novinho em folha.

Pensando bem, é esse o nosso papel, o que nos dá sentido.

Pois se fazendo como sempre foi feito a gente acaba chegando ao mesmo lugar, melhor então é rever, com clareza, o que verdadeiramente queremos, buscar sabedoria no que já fizemos e aí, então, realizar de outra maneira, fazer diferente, reinventar.

Crer para ver que há um poder impaciente por se revelar a quem não desiste, recria, vai em frente, buscando sempre, dentro de si, o melhor.


Recent Visitors

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...